QS 01, Rua 210 lote 18, Águas Claras - DF, CEP: 72030-120

+55 (61) 3563-1314

 
CRESCIMENTO DO TURISMO ABRE PORTAS PORTAS PARA A QUALIFICAÇÃO PROFISSIONAL

CRESCIMENTO DO TURISMO ABRE PORTAS PORTAS PARA A QUALIFICAÇÃO PROFISSIONAL

     Em alta, o setor é uma boa aposta para quem quer ingressar no mercado de trabalho

    A visibilidade atribuída ao Turismo abriu portas para aqueles que desejam ingressar ou se posicionar melhor no mercado de trabalho neste setor. Com a ocasião dos grandes eventos – como a Copa do Mundo, Olimpíadas e congressos técnico-científicos captados para Brasília, a cidade espera quase um milhão de pessoas nos próximos anos, o que significa oferta de empregos e geração de renda.

     Um levantamento da Subsecretaria de Fomento e Eventos Estratégicos da Secretaria de Turismo do Distrito Federal ponta que o Governo do Distrito Federal captou cerca de R$ 75 milhões em eventos que articulou até 2019. "Trata-se apenas daqueles que intermediamos, ou seja, a receita será ainda maior no fim das contas", explica o secretário de Turismo do DF.

     Para os próximos anos também estão previstos grandes investimentos por parte dos empresários. Em 2013, o Turismo teve um recorde na liberação de verba do Fundo Constitucional de Financiamento do Centro-Oeste (FCO), com, aproximadamente, R$ 103 milhões destinados às pequenas e médias empresas do setor. Só na hotelaria, serão 14 novos empreendimento na cidade.

     Todos esses incentivos apontam para uma rápida absorção de mão de obra qualificada no mercado de trabalho. De acordo com pesquisa realizada pelo Observatório do Turismo do Distrito Federal, as possibilidades são muitas para quem busca qualificação.

      Conforme dados do Ministério do Turismo (CADASTUR/2013) estão catalogados quarenta e seis meios de hospedagens no DF, dos quais vinte e cinco em Brasília e vinte e um nas demais Regiões Administrativas e entorno. Foram catalogados dois alojamentos informais. Ainda de acordo com o estudo, a hotelaria do Distrito Federal possui como mão de obra fixa 4.030 pessoas distribuídas em hotéis de pequeno médio e grande porte (SENAC na Copa 2014, 2010).

     Quanto aos restaurantes, cafeterias e bares, o DF possui duzentos e quatro estabelecimentos, sendo oitenta e nove na Região Administrativa de Brasília e cento e quinze das demais RA's e entorno (Ministério do Turismo – CADASTUR/2013). Foram catalogados também cento e dezoito locais de alimentação informais (FUNIVERSA-IPEA/2007).

        Dentre as transportadoras turísticas, estão catalogados quarenta e cinco, sendo duas em Brasília e quarenta e três nas demais RA's e entorno (Ministério do Turismo – CADASTUR/2013). Foram detectadas quarenta e cinco meios de transportes informais. (FUNIVERSA-IPEA/2007).

       As agências de turismo somam trezentos e noventa e oito, sendo duzentos e vinte e uma na Região Administrativa de Brasília e cento e setenta e sete das demais RA's e entorno (Ministério do Turismo – CADASTUR/2013). Foram catalogados cinco (5) agências de turismo informais (FUNIVERSA-IPEA/2007).

          Para auxiliar o acesso do público às vagas e possibilitar avanços nos critérios de competitividade do mercado, o Governo Federal e Governo do Distrito Federal oferecem cursos gratuitos por meio do Pronatec Copa e Pronatec Copa na Empresa, que formam pessoas interessadas em aprender uma das profissões ligadas ao Turismo e investem na melhoria da qualificação daqueles que já atuam no setor, respectivamente.

        Em 2013, quase 13400 pessoas foram matriculadas em um dos 21 cursos disponíveis, entre eles, garçom, camareiro, recepcionista de hotel, mensageiro, técnico em eventos e outras atividades, além de aulas de inglês e espanhol.

         O Instituto Federal Brasília também oferece oportunidades gratuitas para os interessados em se formar em uma das atividades relacionada ao setor. São cursos técnicos, tecnólogos e de formação inicial e continuada em turismo.

          "Há uma previsão de abertura de curso de bacharel em Turismo para o segundo semestre. A vantagem é que para esses cursos, há aulas em todos os campus do IFB e são gratuitos", disse a professora de Turismo, Hospitalidade e Lazer Thamyres Carvalho.

       Instituições como o Senac, Universidade de Brasília, Upis, Uniplan, Centro Cenetista de Educação Profissional, Iesb, católica e Projeção também são opções para quem deseja investir na área.

 

QS 01, Rua 210 lote 18, Águas Claras - DF, CEP: 71950-770

+55 (61) 3563-1314 / (61) 3563-4776 / (61) 3562-2064

Facebook
Realizado por Amplitude Web.