QS 01, Rua 210 lote 18, Águas Claras - DF, CEP: 72030-120

+55 (61) 3563-1314

 
SEM RISCOS

SEM RISCOS

     Todo cuidado é pouco no manuseio dos hortifrutis e para isso são necessárias uma série de medidas antes do consumo, para evitar qualquer tipo de contaminação

Benefícios à saúde do Consumidor
     Um cardápio balanceado e rico em frutas, legumes e verduras evita doenças e fornece uma gama de nutrientes que atuam de forma preventiva em doenças cardíacas, além de combater a obesidade, proporcionando mais vitalidade e energia.

Perigos de Contaminação EM Hortifrutis
      Um alimento de origem vegetal é considerado de qualidade se estiver isento de contaminação física: sujidades ou insetos; contaminação química: metais pesados, defensores agrícolas ou produtos químicos e contaminação biológica: parasitos, toxinas e micro-organismos patogênicos, como coliformes fecais, por exemplo.

Alguns pontos são considerados de maior risco:
― Solo;
― Água para irrigação;
― Presença de animais domésticos e selvagens, insetos, aves e roedores;
― Manipulação (colheita, pós colheita e saúde do manipulador);
― Água utilizada em processo pós colheita (higienização para retirada de sujidade);
― Embalagens contaminadas (embalagens plásticas, caixas de madeiras);
― Transporte (caminhões inadequados);
― Armazenamento (câmara fria ou estoque inadequado);
― Conservação (temperaturas ou acondicionamentos inadequados);

     Na contaminação química, o maior motivo de preocupação é o uso inadequado de agrotóxicos ou defensores agrícolas, por isso, os mesmo devem ser registrados em órgão competente: Ministério da Saúde/ANVISA); Ministério do Meio Ambiente/Ibama; Ministério da Agricultura/MAP; Neste cadastramento, os fabricantes devem descrever a forma correta de uso, o grau de toxicidade e quais os produtos que podem ser utilizados e em qual concentração.
      A contaminação física está relacionada diretamente à higiene do hortifruti, que pode ser realizada na etapa de pós colheita, nos distribuidores ou no seu estabelecimento para o consumo final, por isso a importância da lavagem. O procedimento de higienização de hortifrutis é obrigatório pelas legislações sanitárias vigentes, o intuito é prevenir possíveis contaminações que passaram por todas as outras etapas: plantio, colheita, armazenamento e também minimizar a carga microbiana presente nestes alimentos, evitando assim uma intoxicação alimentar.
       “A higienização dos hortifrutis é uma etapa fundamental para a qualidade do seu produto final, pois além de eliminar a presença dos contaminantes físicos (insetos e sujidades), ela minimiza a presença de micro-organismos, ou seja, garantem a qualidade do seu produto final.”
   Por Tatiana de Queiroz Campos

 

QS 01, Rua 210 lote 18, Águas Claras - DF, CEP: 71950-770

+55 (61) 3563-1314 / (61) 3563-4776 / (61) 3562-2064

Facebook
Realizado por Amplitude Web.