QS 01, Rua 210 lote 18, Águas Claras - DF, CEP: 72030-120

+55 (61) 3563-1314

 
SOBREMESA OFICIAL DO VERÃO, GELATINA APARECE REPAGINADA EM NOVOS FORMATOS

SOBREMESA OFICIAL DO VERÃO, GELATINA APARECE REPAGINADA EM NOVOS FORMATOS

     Ela anda meio esquecida do nosso dia a dia, mas o fato é que a gelatina é o maior quebra-galho quando o assunto é sobremesa. Fácil de fazer, saborosa e fresquinha, ainda dá um colorido especial à mesa.


   Mas não precisa fazer a receita com a mesma apresentação toda vez. O doce, que é tradição no dia a dia da família brasileira, pode ganhar cara de festa e deixar a refeição muito mais divertida. É o que prova Lucas Corazza, da empresa que leva seu nome, em São Paulo. O chef confeiteiro preparou seis versões do doce. Dá um pouquinho mais de trabalho, mas o resultado é tão lindo que ninguém vai ligar de passar um tempinho extra na cozinha.

      As receitas não têm segredo, mas é importante prestar atenção em algumas etapas do processo. A dica para a gelatina não ficar com aquela parte durinha no fundo da taça, por exemplo, é diluí-la bastante na água quente, mexendo bem antes de adicionar a fria. Segundo Lucas, o melhor é seguir as orientações de preparo da caixinha quanto às quantidades. "Cada marca tem uma especificidade, é bom ficar de olho", diz.

         Outra dica é não tentar adiantar o tempo que a receita precisa para ficar pronta e botar a gelatina para endurecer no freezer. "Ela cristaliza inteiramente", afirma Lucas. Mas uma coisa pode acelerar o preparo das versões que tem que ser refrigeradas em etapas, como as coloridas. "Sugiro que dissolvam todos os sabores ao mesmo tempo, em potes separados." Assim, na hora que forem para o refrigerador já vão ter esfriado e ficarão firmes mais depressa.

         Para cortá-la em cubinhos, o melhor é despejar o líquido dentro de uma assadeira forrada com papel filme. "Fica muito mais fácil de manipulá-la depois de pronta." Outra dica é usar recipientes do mesmo tamanho e não variar a quantidade de cada gelatina. "Dessa forma, elas ficam da mesma altura e facilitam a montagem", diz o confeiteiro.

       As que fazem desenhos na diagonal devem ser inclinadas sobre grãos crus (de feijão, por exemplo) para endurecer no formato desejado. Por fim, as servidas dentro de cascas de frutas precisam ficar encaixadas na boca de um copo para adquirir o formato arredondado.

        Agora, é escolher a sua gelatina favorita (inclusive na versão dietética) e botar a cozinha para funcionar.

 

QS 01, Rua 210 lote 18, Águas Claras - DF, CEP: 71950-770

+55 (61) 3563-1314 / (61) 3563-4776 / (61) 3562-2064

Facebook
Realizado por Amplitude Web.